teste
teste

A reinvenção da gestão de desempenho

A reinvenção da gestão de desempenho - MindQuest Educação

A reinvenção da gestão de desempenho

O cenário das tecnologias de Recursos Humanos (RH) está mudando mais rapidamente do que nunca. É importante considerar as mudanças e transformações que estão ocorrendo no contexto das tecnologias de RH. Pensando nisso o Espaço Entre Líderes destaca dez das principais tendências, baseadas no estudo “HR Technology for 2016: 10 Big Disruptions on the Horizon”, produzido pela firma de pesquisa em estratégias de negócios Bersin by Delloite.

Post 7 de 10 – Série “Tecnologias de RH: 10 grandes transformações”

A REINVENÇÃO DA GESTÃO DE DESEMPENHO E DE METAS

Atualmente, a maioria dos softwares de gestão do desempenho deixa a desejar, em relação ao atendimento das necessidades dos usuários. Resta às startups criarem novos modelos, com recursos de feedback e check-ins, enquanto os grandes fornecedores se esforçam para redesenhar seus produtos.

Não é novidade que a gestão de desempenho, tradicional ao final de cada ano, vem passando por uma grande reformulação. Mais de 40 grandes empresas aboliram completamente as classificações e centenas de outras estão simplificando suas abordagens, eliminando os rankings forçados e repensando a Curva Normal (Curva do Sino ou Curva de Gauss) como modelo para a distribuição e remuneração por desempenho.

Essas abordagens – mais ágeis, com check-ins em tempo real e centradas no feedback – trazem à tona uma questão: “qual software de RH devo usar?” Hoje em dia, os programas de gestão de desempenho, em geral, não chegam a atender às necessidades do usuário, deixando as startups responsáveis por formular novos modelos, ao mesmo tempo em que os grandes e tradicionais fornecedores empreendem esforços para o redesenho de suas ferramentas.

Gestão de Desempenho dentro das empresas

Dentro de um ou dois anos, esses programas de gestão de talentos provavelmente estarão reestruturados, mas, agora, pode ser um tanto difícil encontrar ferramentas adequadas para uma reformulação da gestão de desempenho.

Diversas startups rapidamente avançam sobre essa lacuna – tais como Workboard, BetterWorks, TMBC, Reflektive, Impraise, Small Improvements, dentre outras. Essas companhias menores têm ainda de construir muitos dos recursos (de avaliação e classificação de talentos, etc.) que as grandes empresas normalmente desejam.

Estima-se que uma abordagem “de última geração” para a gestão de desempenho esteja emergindo. Isso pode, mais uma vez, complicar a vida dos gerentes de RH das empresas, conforme acontece a cada nova geração de softwares.

Confira a oitava publicação desta série que traz as principais inovações em tecnologias e tendências de RH.

Conheça nossas soluções e descubra como criamos o contexto certo para obter resultados superiores em educação corporativa.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Compartilhar